Está o caldo entornado

tumblr lv4bj2jtfY1qbm6w3o1 500 Está o caldo entornado

Como a agres­si­vi­dade não se dilui em água é ine­vi­tá­vel que as pes­soas, mais certo ou mais tarde, tenham de recor­rer a outros expe­di­en­tes e a che­ga­rem a vias de facto. Há oca­siões em que duas ou mais pes­soas deci­dem resol­ver um dado dife­rendo recor­rendo à força física. Nor­mal­mente, o álcool surge como um cata­li­sa­dor des­tas desa­ven­ças, resul­tando em dis­pu­tas que envol­vem uma com­bi­na­ção mais ou menos coor­de­nada de movi­men­tos que visam des­fe­rir danos ao adver­sá­rio de forma a aleijá-lo e ensinar-lhe uma lição.

As pro­ba­bi­li­da­des de haver por­rada aumen­tam expo­nen­ci­al­mente com a pre­sença de mulhe­res nas pro­xi­mi­da­des a quem os homens envol­vi­dos na ses­são de inter­câm­bio de socos pos­sam impres­si­o­nar. Centro-me aqui exclu­si­va­mente nos con­fron­tos mas­cu­li­nos uma vez que na única luta de que tenho registo, envol­vendo mulhe­res, elas esta­vam em roupa inte­rior e o con­fronto realizou-se na lama. Não, não tes­te­mu­nhei isso pes­so­al­mente, foi num vídeo com a ima­gem muito des­fo­cada. A minha vida é bas­tante deprimente.

Mas vol­te­mos à aná­lise antro­po­ló­gica do con­fronto. Ao demons­trar que é um exí­mio luta­dor e que sabe defen­der a sua honra ripos­tando quando é pro­vo­cado com olha­res con­se­cu­ti­vos de mais de 0.6 segun­dos, o homem está a sina­li­zar às demais don­ze­las que é viril e que as con­se­gue pro­te­ger de leões, ele­fan­tes e tigres. Está a trans­mi­tir, por­tanto, que é um bom par­tido, capaz de asse­gu­rar a pro­tec­ção da mulher no neolítico.

O nível de indig­na­ção tem subido a olhos vis­tos nos últi­mos anos. Em ter­mos téc­ni­cos, as pes­soas andam mais car­ran­cu­das. Esta afir­ma­ção pode facil­mente ser sus­ten­tada atra­vés da aná­lise da evo­lu­ção no número de pes­soas que escre­vem fra­ses total­mente em maiús­cu­las. Com­pi­lando estes dados e representando-os sob a forma de grá­fi­cos de bar­ras, grá­fi­cos cir­cu­la­res e his­to­gra­mas, rapi­da­mente che­gá­mos à con­clu­são que as pes­soas andam mais cha­te­a­das agora do que há alguns anos atrás.

Ape­sar de toda esta indig­na­ção acu­mu­la­ção, actu­al­mente as pes­soas levam vidas muito ocu­pa­das e pre­en­chi­das, por causa da ubi­qui­dade da tele­vi­são e da vasta oferta a nível de canais tele­vi­si­vos. Com tal azá­fama cons­tante nem sequer sobra tempo para criar ini­mi­za­des, o que é uma pena. Não tarda nada os miú­dos só se vão saber agre­dir recor­rendo a ava­ta­res que con­tro­lam atra­vés de game­pads e tecla­dos. Pre­vejo um futuro negro para a huma­ni­dade, com a pro­li­fe­ra­ção do sín­drome do túnel carpal.

O maior erro de Eins­tein
Des­culpe, sou eu o visado?

Write a comment

Name *

E-mail *

Website

Message *

0 Comments

There are no comments yet.

Balloons theme by
Moargh.de