Isto é uma encruzilhada, boy

escher ascending Isto é uma encruzilhada, boy

Bem sei que pou­cas coi­sas neste blog têm uma expli­ca­ção raci­o­nal para o facto de terem sido escri­tas, mas por acaso existe uma jus­ti­fi­ca­ção para o título deste post. Em vir­tude da minha par­ti­ci­pa­ção recente como mem­bro do júri no “Às 3 Pan­ca­das”, um con­curso de bata­lhas MC e Beat­box, deparei-me com uma verbo que pos­sui uma cono­ta­ção espe­cí­fica no con­texto hip hop, que é “repre­sen­tar”. Que sig­ni­fi­cado teria aqui esta pala­vra que eu escu­tei 4503135 vezes (Foram mais, mas parei de con­tar aí)?

Após inves­ti­ga­ção exaus­tiva, con­ti­nuei sem conhe­cer o seu sig­ni­fi­cado, mas fiquei a saber que é pos­sí­vel repre­sen­tar a crew, o bairro, a nova ou a velha escola, entre outras coi­sas. Ten­tando entrar no espí­rito e repre­sen­tar a cena, resolvi por­tanto esco­lher para título deste post algo que, se pro­cu­ras­se­mos mesmo bem, até pode­ria ser encon­trado na letra de uma música rap. Espero ter sido bem suce­dido. Adiante.

Há altu­ras na vida em que coloco a mim pró­prio a seguinte ques­tão: será que sou vici­ado em por­no­gra­fia? Matuto nisto um pouco e con­cluo que não. É impos­sí­vel. Pros­sigo então o meu visi­o­na­mento de por­no­gra­fia até ser cha­mado à aten­ção pelos meus pais, que me dizem para arru­mar o por­tá­til com o argu­mento de estes não serem modos de se estar à mesa durante o jantar.

Há tam­bém outros momen­tos em que temos de nos inter­ro­gar sobre aquilo que é mais impor­tante para nós. Na vida há que defi­nir pri­o­ri­da­des e tomar deci­sões que irão mol­dar o nosso futuro. É a capa­ci­dade que o ser humano pos­sui em con­se­guir pre­ver a con­sequên­cia das suas acções a longo prazo o dis­tin­gue de 99.9% dos res­tan­tes ani­mais (esta per­cen­ta­gem foi por mim inven­tada agora). Dia­ri­a­mente, sou con­fron­tado com deci­sões que se reves­tem de extrema com­ple­xi­dade, sobre­tudo quando sinto o impulso de ligar algo à tomada que não os dedos. É quando tenho o por­tá­til sedento de ener­gia, ansi­oso de ser revi­ta­li­zado por via eléc­trica e me deparo com zero toma­das livres que começo a fazer con­tas à vida. Oh não. O por­tá­til está a ficar sem ener­gia, e se não fizer algo rapi­da­mente em breve fica­rei sem modo de ace­der à inter­net, só e iso­lado do mundo exterior!

Segue-se o seguinte dilema: que apa­re­lho deverá ceder o seu lugar? Deve­rei des­li­gar as colu­nas, ficando pri­vado de música que vai man­tendo a pouca sani­dade men­tal que me resta? O aque­ce­dor tam­bém é uma opção, mas esta­ria a pres­cin­din­dir do con­forto de uma tem­pe­ra­tura agra­dá­vel e a cor­rer o risco de ficar enre­ge­lado. Será que é boa ideia optar pelo ecrã externo de 19 pole­ga­das, ficando deste modo redu­zindo às 10 pole­ga­das do net­book que só per­mi­tem ler duas linhas e meia de texto de cada vez? E se o eleito fosse o can­de­eiro, con­sen­tindo em ficar redu­zido à penum­bra, sem ilu­mi­na­ção sufi­ci­ente para con­se­guir fazer as minhas lei­tu­ras? Ou então pode­ria esco­lher o tele­mó­vel, que está ainda com pouca bate­ria. Mas aí seria pri­vado da segunda liga­ção impor­tante ao mundo lá fora, mais impor­tante até do que a janela da varanda ou da porta de casa. Não se afi­gura nada fácil a decisão.

Venho-vos falar sobre pão
Os fan­tas­mas ainda exis­tem e esco­lhe­ram assom­brar os tele­mó­veis

Write a comment

Name *

E-mail *

Website

Message *

4 Comentários

  • Miguel!

    Ora eu se fosse a ti, com tanta difi­cul­dade , tal­vez esco­lhesse des­li­gar todos e por os dedos na tomada de uma vez por todas!!!
    eu sei que é isso que que­res! :P

    Faz!

    xD

    02/13/10 – 1:40

  • Pedro

    Eu suge­ri­ria des­li­ga­res a ficha que abas­tece a bate­ria da tua Roxxxy xD

    02/13/10 – 2:45

  • José Durães

    AHAHAHAHAHAHA! :) Bem visto Pedro, tinha-me esque­cido de a mencionar.

    02/13/10 – 3:29

  • Sara laureano

    Sabes qal e a minh suges­tao? (ach q n vais qerer saber, mas n estas ca p m impe­dir d ta dizer). Ora ach q devias com­bi­nar um cafe c ami­gos e soci­a­li­zar mm a serio, não por pc, n por SMS, soci­a­li­zar! Nas con­ver­sas d café, cara A cara, não há dile­mas des­tes (geek’s). N tens q des­li­gar fixas, n se fica sem ener­gia, uma janela per­feita para o mundo. Pensa nisso xD

    02/13/10 – 23:56

Balloons theme by
Moargh.de